Bom dia, hoje é dia 05/08 e são
Em Taió, +
Motorista morre após caminhão-tanque tombar na tarde de quarta-feira (08)

Publicado em: 09/01/2020 15:56:30 - Por Luis Carlos Radar
PUBLICIDADE

Acidente ocorreu na tarde de quarta-feira (8), no km 666, da rodovia; após acidente, houve vazamento de ácido fosfórico que contaminou o solo.


Um homem de 37 anos morreu após um caminhão-tanque tombar na tarde desta quarta-feira (9), na BR-376, em Guaratuba, na divisa entre Santa Catarina e o Paraná. O acidente ocorreu por volta das 16h30, no km 666 da rodovia.


Segundo a PRF (Polícia Rodoviária Federal), o veículo com placas de São Bernardo do Campo/SP, trafegava sentido Garuva/SC, quando deslocou para a direita da pista e colidiu com uma mureta. Após ser arrastado por 24 metros, o veículo, então, transpôs a mureta, saiu da pista e acabou tombando.



O caminhão, ainda, caiu em uma ribanceira e só parou após colidir em algumas árvores. O motorista do veículo não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Ainda segundo a PRF, o condutor era de Sumaré, em São Paulo. O corpo da vítima, que não teve o nome divulgado, foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) de Curitiba.


Ainda segundo a polícia, no momento do acidente, equipes da concessionária atendiam outra ocorrência de um caminhão com pane mecânica que estava parado mais à direita da pista. Durante o atendimento, sinalizado com cones, o trânsito fluía pelas outras duas faixas.


A suspeita é de que houve uma lentidão na pista por conta do atendimento, e por isso, o motorista não teria conseguido parar a tempo e acabou batendo na mureta. No momento do acidente também garoava no local.


Acidente causou vazamento que contaminou o solo


De acordo com a Autopista Litoral Sul, o caminhão-tanque transportava cerca de 9 mil litros de ácido fosfórico. Equipes da Defesa Civil realizaram na manhã desta quinta-feira (9) uma vistoria no local.


Segundo Edival Pereira, coordenador regional da Defesa Civil, o acidente causou um vazamento de aproximadamente 2.500 litros que contaminou o solo. Após a retirada do veículo, equipes devem realizar a limpeza no solo contaminado. Edival ainda afirmou que não há riscos de contaminação da água por conta do produto.


Até a manhã desta quinta-feira (9), o caminhão ainda não havia sido removido do local. De acordo com a PRF, técnicos de uma empresa especializada estão avaliando a situação. A previsão é de que a remoção seja concluída durante a tarde desta quinta.


Nova FM

Compartilhe o link:
Radar Alto Vale © Copyright 2013 - 2015 - Radar Alto Vale não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos citados.
A opinião dos colaboradores e dos leitores não necessariamente representa a opinião do Radar Alto Vale.WLive! Soluções Web